20.8.08

Broca

Em geral são larvas grandes e robustas, semelhantes ao tamanho de uma lagarta de borboleta. Ela se alimenta comendo o tronco da planta, e isto acaba matando a árvore. Elas deixam sair do tronco um pó que parece uma serragem.

Você tem de matar a broca, e fazer um tratamento para a árvore que eu chamo de "sapata”. Para matar a broca use uma agulha de crochê ou arame fino para puxar para fora a broca e matá-la.

A massa chamada ‘sapata’:

50% de terra e 50% de cinzas, misture com o chá da guiné, faça uma pasta e cubra o tronco da árvore em toda extensão que foi danificado ou ferida.



Sabão e suas Misturas
Indicação - o sabão (não detergente) tem efeito inseticida e quando acrescentado em outros defensivos naturais pode aumentar a sua efetividade. O sabão sozinho tem bom efeito sobre muitos insetos de corpo mole como: pulgão, lagartas e mosca branca. A emulsão de sabão e querosene é um inseticida de contato, que foi muito empregado no passado, contra insetos sugadores, sendo indicada para combate aos pulgões, ácaros e cochonilhas. Características de emprego: o preparo mais comum consiste em dissolver, mexendo bem, 50 gramas de sabão (picado) para 2 até 5 litros de água quente. A solução feita com sabão tem boa adesividade na planta e no inseto praga. Pulverizar sobre as folhagens e pragas. Nas plantas delicadas e árvores novas, no verão ou períodos quentes, utiliza-se a solução de sabão e querosene bem diluída, ou seja, uma parte para 50 a 60 partes de água. Depois de preparada a emulsão deve ser aplicada dentro de um ou dois dias, para evitar a separação do querosene, o que acarretaria queimaduras nas folhagens. No inverno, em plantas caducas, utilizam-se dosagens mais concentradas, assim como a pincelagem do tronco contra cochonilhas.

Receita para o combate a pulgões, ácaros, brocas, moscas da fruta e formigas.

Ingredientes: 1 kg de sabão picado + 3 litros de querosene + 3 litros de água.

Preparo: derreta o sabão picado numa panela com água. Quando estiver completamente derretido, desligue o fogo e acrescente o querosene mexendo bem a mistura.

Aplicação: em seguida, para a sua utilização, dissolva 1 litro dessa emulsão em 15 litros de água, repetindo a aplicação com intervalos de 7 dias. No caso de hortaliças e medicinais, aconselha-se respeitar um intervalo mínimo de 12 dias antes da colheita.



Extrato de Fumo contra Broca:

São larvas que se alojam nas raízes de plantas formando galerias nos tecidos dos troncos.

Protocolo:

Aplique injeções de extrato de fumo dentro dos orifícios das galerias feitas pelas brocas nos troncos e galhos. Logo em seguida, tampe a entrada com cera derretida.

O extrato de fumo deve ser preparado se seguinte forma: Coloque um pouco do fumo de rolo picado em uma tigela e cubra com álcool (líquido ou gel) Quando o fumo tiver absorvido todo o álcool, coloque novamente um pouco de álcool diluído em água. Deixe por 48 horas em local fresco.

Torça o preparado em um pano ralo e guarde-o em uma garrafa em local escuro.

Pulverize este extrato sobre toda a folha para espantar pulgões. Se desejar também combater cochonilhas, na hora de usar, misture cerca de um copo desse líquido com 100 g de sabão neutro derretido em água quente. Acrescente mais 10 litros de água, coe e pulverize.



Fonte: Revista Natureza

Nenhum comentário: